TRIBUNAL: Julgados quatro homens apanhados quando começavam a falsificar notas e moedas   14 de Fevereiro de 2018 / 13:53
São quatro. E vão ser julgados em maio. Isto porque foram apanhados pela PJ com a «boca na botija» quando se preparavam para começar a fabricar notas de 500 euros e moedas de dois. Os quatro falsificadores vão ser julgados no Tribunal de Braga por crime de contrafação de moeda, na forma tentada. A Polícia Judiciária (PJ) do Porto apreendeu, em junho de 2016, um arsenal de equipamentos de impressão e cunhagem, em casas usadas para o efeito em Ílhavo (Aveiro), Braga e Vila Verde.

Quando a PJ invadiu as «tipografias», apanhou uma nota de 500 euros que fora gravada como teste. E o mesmo sucedeu com duas moedas metálicas, imitando a de dois euros mas que ainda só estavam cunhadas de um dos lados. Deteve, nesse dia, três dos quatro suspeitos e apreendeu uma máquina de impressão de última tecnologia (3D), uma prensa, uma guilhotina, metal para moedas e papel semelhante ao das notas de euro.

O Ministério Público acusa José Manuel Marques, de 29 anos, de Barcelos, artesão de profissão, Manuel de Araújo Fernandes, de 59 anos, de Barcelos, Paulo Francisco Pereira, de 51 anos – pai do José Manuel Marques - e Bruno Filipe Correia, de 60 anos (ambos de Braga) de se terem conluiado, desde 2014, para adquirirem equipamentos para contrafação de moeda “em grande quantidade”.

Diz que a iniciativa partiu de José Manuel Marques – com antecedentes deste tipo de crime, pois esteve detido em 2002 e é considerado o maior especialista em Portugal no fabrico de euros falsos – e de Manuel de Araújo Fernandes, tendo recrutado os outros dois, Paulo Pereira para comprar o equipamento, e Bruno Correia para a informática, já que é técnico do ramo. Era a este elemento que competia a tarefa de elaborar os moldes para a construção e posterior impressão de notas de 500 euros.

O grupo explorava duas inovações: fabricava moedas com instrumentos expressamente construídos para o efeito e utilizava uma impressora 3D (três dimensões) na construção de moldes que permitiriam o fabrico das notas de 500 euros com elevado grau de perfeição.

Aquando das buscas, a Polícia concluiu que as «oficinas» tinham colchões na porta para abafar o som próprio das máquinas de impressão. E apreenderam uma placa de acrílico já preparada para gravar notas de 500, e 11 outras, para o mesmo fim.

Para além da contrafação, José Marques está, ainda, acusado de posse de arma proibida.

---
Luís Moreira (CP 8078)
oamarense@gmail.com

Outras notícias da categoria regional:

. ICNF já limpou 327 hectares de mimosas no Parque Nacional da Peneda-Gerês
. Quatro praias de Esposende com Bandeira Azul
. SAÚDE: Morte de bebés atinge valor mais baixo de sempre em Portugal
. Seminário sobre “Negócios familiares” no Núcleo Museológico de Campo do Gerês
. Conan Osiris e Demuja juntam-se ao cartaz do Vira Pop '18
. Jantar solidário da Missão Amar(es) contou com centena e meia de participantes
. MAIS DE 180 ATLETAS PRESENTES: Lalev venceu meia maratona de Amares
. TERRAS DE BOURO: Mais de 200 pessoas reunidas no Jantar Solidário dos Bombeiros
. “Encontro Associativo do Concelho de Amares” contou com a participação de mais de meia centena de Associações
. ACTIVIDADE GNR: 43 pessoas detidas nas últimas 12 horas…25 por condução sob o efeito do álcool
. AMARES: Assembleia Municipal aprova contas com oito abstenções
. Conferência “Esperando Novos Ceús e Nova Terra” esta noite no Centro Social e Paroquial de Lago
. TERRAS DE BOURO: Câmara assinou protocolos de cooperação com Bombeiros e delegações concelhias da Cruz Vermelha
. CPCJ de Amares assinala maus tratos na infância, amanhã, com um Laço Azul Humano
. Projecto “Bem Envelhecer” em Terras de Bouro com acção de sensibilização
. Câmara de Terras de Bouro não dá mais dinheiro para estrada da Mata da Albergaria
. Cravos vermelhos regressaram às comemorações do 25 de Abril em Terras de Bouro
. AMARES: Críticas ao populismo marcam discursos de evocação do 25 de Abril
. ECONOMIA: Empresários de Amares querem melhores acessibilidades e comunicações
. VIRA POP: Mahmundi é um dos primeiros oito nomes confirmados
. TERRAS DE BOURO: Presidentes de Junta apresentaram reclamações ao novo director regional da EDP
. Se comprou uma placa “Eldslaga” no IKEA deve contactar a empresa
. CIM Cávado implementa Projecto “UP Cávado: Empreendedorismo nas Escolas”
. GNR deteve 30 motociclistas em operação de fiscalização
. TRIBUNAL: Empresa contesta concurso da BRAVAL para contratação de 42 trabalhadores
. GNR: 148 detidos em flagrante no fim-de-semana
. AMARES: Moradores do Bairro de Guiames fazem abaixo-assinado por causa do barulho dos camiões
. DESPORTO: Bruno Ferreira vence Ultra Trail da Geira Romana
. SEQUEIROS (Amares): Tradição e muita gente no VI Festival de Folclore do Vale do Homem
. GNR de Amares deteve vilaverdense na posse de 95 gr de haxixe



Voltar
 
O Amarense
PUB
O Amarense (c) 2017 | Todos os Direitos Reservados