UMinho propõe terapia capaz de controlar cancro do colo do útero   14 de Fevereiro de 2018 / 08:26
Uma equipa liderada por Olga Martinho, da Universidade do Minho, propõe uma nova terapia combinada capaz de controlar a progressão do cancro do colo do útero. Esta solução surge depois de os investigadores terem mostrado pela primeira vez que a presença excessiva da proteína HER2 em pacientes com esta patologia pode abrir portas para tratamentos mais eficazes. Responsável por 8% das mortes associadas a doenças oncológicas, o cancro do colo do útero é o segundo tipo mais frequente entre as mulheres no mundo.

A HER2 tem um papel importante na regulação das células humanas. Já foi comprovado por equipas internacionais que esta proteína se encontra alterada em casos de cancro da mama, constituindo um alvo terapêutico importante quando detetada em quantidades elevadas. O estudo agora publicado na revista “Theranostics” traz uma novidade ao revelar que estas alterações moleculares também se verificam no cancro do colo do útero. “O facto de terem esta proteína em comum é uma boa notícia, no sentido em que já existem fármacos desenhados para atuar contra ela”, diz a cientista do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (ICVS) da UMinho.

O grupo de investigação demonstrou, através de testes in vitro e in vivo, que os medicamentos usados para inibir a proteína HER2 no cancro da mama também são “extremamente eficazes” na redução da agressividade do cancro do colo do útero. Antecipou também um potencial mecanismo de resistência a esta terapia, propondo o uso combinado destes fármacos com bloqueadores do consumo de glucose. Esta combinação permitirá que a doença se mantenha estável, prolongando o tempo de vida das mulheres afetadas.

Olga Martinho recorda que o tratamento apenas surte efeito em doentes com alteração nesta proteína. “Daí ser necessário realizar um rastreio antes da sua administração para evitar que os restantes pacientes sofram desnecessariamente dos efeitos secundários associados à terapia”. Os resultados obtidos poderão contribuir num futuro próximo para o aumento da taxa de sobrevivência destes doentes, à semelhança do que aconteceu com o cancro da mama. Além da UMinho, o estudo envolveu a Universidade Federal de Góias, a Universidade de São Paulo e o Hospital de Barretos.

Redacção

Outras notícias da categoria nacional:

. Sentença de Sócrates é conhecida a 23 e 24 de Fevereiro em Guimarães pela mão de Mickaël de Oliveira 19 de Fevereiro de 2018 / 09:45
. Software de spin-off da UMinho gere acervo de Siza Vieira 15 de Fevereiro de 2018 / 11:49
. UMinho é a mais ativa da Europa em desporto universitário 14 de Fevereiro de 2018 / 08:31
. Portugueses reescrevem a história genética da Índia 12 de Fevereiro de 2018 / 11:49
. João Pedro Vaz será o novo Diretor Artístico da “A Oficina” 12 de Fevereiro de 2018 / 11:47
. Competências transversais são as mais valorizadas no mercado de trabalho 9 de Fevereiro de 2018 / 08:56
. Centro de Computação Gráfica está a definir os padrões da condução do futuro 9 de Fevereiro de 2018 / 08:54
. UMinho quer alavancar bioeconomia do país 7 de Fevereiro de 2018 / 08:44
. Estudo pioneiro sobre tablets junta universidades do Minho e Harvard e a Microsoft 7 de Fevereiro de 2018 / 08:43
. BabeliUM da UMinho promove cursos para dez línguas estrangeiras 25 de Janeiro de 2018 / 10:58
. UMinho estreia em Portugal exames de Chinês para os mais novos 23 de Janeiro de 2018 / 08:43
. Aluno do MIT Portugal da UMinho premiado por manga que vai ajudar doentes com cancro da mama 23 de Janeiro de 2018 / 08:41
. Já há lençóis que reduzem o risco de asfixia dos bebés 19 de Janeiro de 2018 / 08:32
. Lentes de contacto inovadoras travam a miopia das crianças 17 de Janeiro de 2018 / 13:25
. Luis Miguel Cintra (está de regresso e) estreia “Um D. João Português” em Guimarães 12 de Janeiro de 2018 / 08:52
. Universidade do Minho sedia vinte sociedades científicas 5 de Janeiro de 2018 / 08:50
. UMinho está entre as 50 universidades mais sustentáveis do mundo 28 de Dezembro de 2017 / 09:41
. Luis Miguel Cintra em Residência Artística em Guimarães 22 de Dezembro de 2017 / 11:25
. Rui L. Reis recebe um dos maiores prémios internacionais de Engenharia 22 de Dezembro de 2017 / 11:23
. Orquestra e Coro de Alunos da UMinho em concerto de Natal na Reitoria 14 de Dezembro de 2017 / 09:02
. Nuno Peres é o cientista português com mais impacto mundial 14 de Dezembro de 2017 / 09:00
. Campanha de Recolha de Brinquedos na UMinho e adaptação de brinquedos para crianças especiais 12 de Dezembro de 2017 / 09:01
. UMinho cria porta que bloqueia fogo, micróbios e ruído 28 de Novembro de 2017 / 10:08
. Alunos da UMinho premiados no “Bright Challenge” 27 de Novembro de 2017 / 08:39
. Licenciados ganham mais e têm melhor qualidade de vida 27 de Novembro de 2017 / 08:38
. Guimarães Jazz continua a fazer história 17 de Novembro de 2017 / 08:30
. UMinho atribui Cátedra Lloyd Braga a Hans-Jörg Albrecht 15 de Novembro de 2017 / 08:25
. Centro de Computação Gráfica celebra Dia Mundial da Usabilidade 10 de Novembro de 2017 / 08:44
. Projeto da UMinho quer converter calor dos gases de escape em eletricidade 10 de Novembro de 2017 / 08:42



« Voltar
 
 
 
O Amarense
PUB
O Amarense (c) 2017 | Todos os Direitos Reservados