UMinho assina protocolo de colaboração com o CERN   15 de Março de 2017 / 09:38
A Universidade do Minho e a Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN) assinaram um protocolo de colaboração nos domínios da Engenharia, nomeadamente em Computação, Eletrónica, Materiais, Mecânica e Polímeros, entre outras áreas de interesse comum. O acordo foi assinado pelo reitor António M. Cunha e pelo coordenador do Departamento de Tecnologia do CERN, Volker Mertens, na sede desta entidade, em Genebra, Suíça. O reitor da UMinho visitou também o CERN, integrado na comitiva dos associados do LIP - Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas, que tem polos no Minho, Coimbra e Lisboa. A iniciativa incluiu a passagem por diversas valências e ainda um encontro informal com a comunidade portuguesa.

O CERN é o maior laboratório de física de partículas do mundo, envolvendo 2500 funcionários e 13 mil investigadores e engenheiros, dos quais 111 de Portugal (74 a tempo inteiro, 24 fellows, três doutorandos e dois bolseiros). A estrutura criada em 1954 na fronteira franco-suíça tem um orçamento anual de 1100 milhões de francos suíços e está ligada a 22 Estados membros, havendo ainda mais de uma dezena de países associados e observadores.

O Prémio Nobel da Física 2013 foi entregue ao CERN, através de François Englert e Peter Higgs, que previram o bosão de Higgs, uma partícula elementar que confere massa a todas as outras. No CERN, os cientistas procuram respostas a questões como qual é a origem das partículas que formam o universo, como se estabeleceram as leis da natureza, qual é a origem da massa ou como surgem a antimatéria e outras partículas ainda não detetadas experimentalmente.

Redacção

Outras notícias da categoria nacional:

. Rui L. Reis recebeu em Londres um dos maiores prémios internacionais de Engenharia
. Português descobre circuito cerebral que prioriza acasalamento ao sono
. Professora da UMinho coordena Observatório das Comunidades Ciganas
. UMinho quer tornar as cidades “mais amigas” dos peões
. Resultados da autonomia curricular de 230 escolas apresentados na UMinho
. Têxteis Penedo espera gerar um milhão de euros por ano com tecidos que integram sistemas de iluminação
. Professor da UMinho premiado em Espanha
. CEB vai aumentar a eficácia e reduzir os efeitos secundários do fármaco para a artrite reumatoide
. Fundo Social de Emergência da UMinho apresentado no World Economic Forum
. Espetáculos e Oficinas de Férias brindam os mais novos com a energia criativa da música, do canto tradicional, da poesia e da expressão plástica, em Guimarães
. Aluna da UMinho premiada pela Associação Portuguesa de Tradutores e Intérpretes
. Portugueses na descoberta de mecanismo que pode combater fungo mortal
. Universidade do Minho tem o curso mais procurado do país
. UMinho com inscrições abertas para as provas dos maiores de 23 anos
. Biblioteca Pública de Braga evoca António José Saraiva
. José González-Méijome distinguido com Prémio de Mérito Científico da UMinho
. Joana Marques Vidal na UMinho para palestra sobre o Ministério Público em Portugal
. Fantasporto exibe 11 filmes de alunos da UMinho
. Sentença de Sócrates é conhecida a 23 e 24 de Fevereiro em Guimarães pela mão de Mickaël de Oliveira
. Software de spin-off da UMinho gere acervo de Siza Vieira
. UMinho é a mais ativa da Europa em desporto universitário
. UMinho propõe terapia capaz de controlar cancro do colo do útero
. Portugueses reescrevem a história genética da Índia
. João Pedro Vaz será o novo Diretor Artístico da “A Oficina”
. Competências transversais são as mais valorizadas no mercado de trabalho
. Centro de Computação Gráfica está a definir os padrões da condução do futuro
. UMinho quer alavancar bioeconomia do país
. Estudo pioneiro sobre tablets junta universidades do Minho e Harvard e a Microsoft
. BabeliUM da UMinho promove cursos para dez línguas estrangeiras
. UMinho estreia em Portugal exames de Chinês para os mais novos



Voltar
 
O Amarense
PUB
O Amarense (c) 2017 | Todos os Direitos Reservados